6.6.11

Eleições Legislativas: A Vitória da Dignidade

As eleições legislativas de 05 de Junho foram uma derrota contundente para a esquerda, em especial para Sócrates e o Partido Socialista.

Muito se irá escrever sobre a vitória do PSD e CDS e a derrota de Sócrates...supostos "politólogos" e outros "expert" irão debitar os termos já sabidos do politicamente correcto.

Para nós, a derrota de Sócrates e do PS resume-se a :

1- Corrupção: embora os "agentes judiciais" (PGR; Noronha; Cândida...) tudo tenham feito para livrar Sócrates de responsabilidades criminais, a sociedade civil mostrou uma grande vitalidade nas redes sociais: blogs; mails, etc. espalhando factos mais do que evidentes passíveis de qualificação criminal por Sócrates e muitos agentes do Socialismo-Socrático, como Armando Vara e Rui Pedro Soares...

2- Arrogância, prepotência, autoritarismo na governação e, pior ainda, na actuação dos cargos dirigentes socialistas-socráticos da Administração Pública e outras Entidades Públicas.

3- Tráfico de Influências manifestado nas negociatas com empresas amigas, como a Mota-Engil, as empresas dos assessores de Mário Lino, escritórios de advogados, etc...

4- Incompetência, inaptidão para gerir e governar...cuja conclusão mais evidente é a bancarrota que o socratinismo-socialismo negou até ao mês anterior à falência.

Por seu lado, o PSD/Pedro Passos Coelho (bem como Paulo Portas...) apresentaram um programa baseado no combate firme ao despesismo e à corrupção socráticos, e ao cumprimento do acordo negociado pelo Governo Sócrates com a UE/FMI/BCE para retirar o País do pântano, onde vive desde Guterres.

Espera-se uma coligação responsável e consciente dos problemas de Portugal e que combata sem rodeios as armadilhas da herança socrática...que são muitas.

Etiquetas: , , , , , ,