14.8.08

Do quotidiano...

O centro da cidade inunda-se de gentes que vêm passar as suas férias. Aloiradas muitas delas, eles mais tradicionais, dão um colorido, e alarido, às ruas. Os petizes acompanham-nos. As conversas são mantidas, a maioria das vezes, em Francês. Mas quais meninos rabinos, os putos obrigam-nos a soltar, de quando em vez, uns palavrões tipicamente indígenas.

Etiquetas: ,

1 Comments:

Anonymous toino do campo said...

"Viens, Michel! Tu vas tomber!" "Eu não te disse, filho da puta?!"

14/8/08  

Enviar um comentário

<< Home