13.1.09

Selvajaria Islâmica Irão

AFSANEH
Fixemos este nome.
Lá pelo facto de Gaza ocupar todas as TVs não vamos deixar de denunciar a selvajaria islâmica.
Mais: sabendo que o Mundo só tem olhos para Gaza, os selvagens da Idade da Pedra podem ser tentados a aumentar os seus crimes.
Afsaneh foi condenada à morte por matar o marido (que a tratava bem!).
E foi condenada a morrer à pedrada porque o "juíz" islâmico entendeu, sem provas, que ela mantinha uma relação extra-conjugal com o indivíduo que a ajudou a matar o marido!

Etiquetas: , , ,

5 Comments:

Blogger Carla said...

pois porque uma realidade não pode nem deve camuflar a outra
beijos

13/1/09  
Blogger Nora said...

Moito obrigada pelo enlace, Osátiro.

Y ya ves qué cantidad de protestas por su caso, ¿eh? Ninguna...

Abrazos.

13/1/09  
Anonymous Anónimo said...

Completamente de acordo. Há uma longa história de luta pela igualdade de direitos no Ocidente, que nos deve impedir de sermos coniventes com o que se passa de errado em muitos lugares do planeta. A condição social das mulheres nos países árabes é, na generalidade dos casos, algo verdadeiramente abjecto.

14/1/09  
Anonymous Anónimo said...

Olá, desde 2008.
O que mais aprecio em ti e´essa persistência.
Lembro da tua revolta na época, como disse uma vez, queria ter uma varinha de condão..........
Bjos. Ml

14/1/09  
Blogger osátiro said...

Pois, estimada ML, se tivesse tempo escreveria muitos mais casos, porque, se bem procurarmos, eles são denunciados na net.

TVs, radios, jornais-nada!

Soba a capa do progressismo, vivem na perda lascada...

15/1/09  

Enviar um comentário

<< Home