8.2.09

A salvação do povo

Foi ontem, em Coimbra. Sócrates apresentou as duas medidas emblemáticas para resolver a crise: casamento entre homossexuais e a regionalização. Em nome da esquerda do povo. É isso mesmo que o povo espera. Nas aldeias e vilas recônditas do rectângulo, formam-se bichas à porta do registo civil . A repressão acabará certamente. Para quem há uns meses votou, na Assembleia da República contra uma proposta de legalização desse tipo de união, a demagogia e o oportunismo andam de mãos dadas. Como Louçã lançou a metáfora desviante do casal de coelhos a copularem na cova, Socrates faz bem em ocupar-lhe o espaço.
Quanto à regionalização, seria o passo em frente para o abismo. Mas acredito que esses boys que procuram um qualquer lugar nas cadeiras do novo poder esfreguem as mãos de contentes. Depois dos compadrios e jogos de influência que se verificam a nível autárquico, uma nova estrutura política resolverá certamente os problemas de muitos militantes socialistas, mas não os do país.

Etiquetas: , ,